4/24/2008

Um palco mais que conhecido

É preciso força (de vontade) para se empolgar com Barcelona...


- De volta às atividades com o "Mundo Veloz" após passar alguns dias na bela cidade de Florianópolis, uso o espaço do dia para falar da volta dos carros de Fórmula-1 à não menos bela Barcelona. Uma volta que acontece constantemente, várias vezes ao ano, e que torna o Grande Prêmio da Espanha um momento não tão esperado.

- O mundial vive um momento interessante com 3 vencedores diferentes e 3 provas, mas não
se deixe enganar por nenhuma expectativa de emoção para o próximo domingo, quando acontece a 4ª etapa do mundial.

- Talvez seja um pouco exagerado o comentário, mas não é difícil imaginar um piloto andando de olhos fechados na pista de Montmeló, onde se realizará a prova. Afinal é lá que acontecem os principais testes de pré-temporada, é lá que se testa primeiros novas regras e, para piorar, uma semana antes da corrida as equipes fazem mais um teste coletivo para economizar uma viagem.

- O resultado disso é que todos chegam ao final de semana de prova no ápice de seus acertos, especialmente aerodinâmicos, o que joga por terra o mínimo de competitividade que as provas da Fórmula-1 tem apresentado à seus fãs. Por isso não perca o treino classificatório no sábado, ele pode definir o vencedor. E repito, não se empolgue, não teremos uma corrida divertida no domingo.

- Os testes da semana passada são pouco conclusivos no que diz respeito à seu resultado final pois as melhores voltas de cada piloto foram obtidas com os pneus slick, usados somente a partir do ano que vem e que em alguns casos foram 4 segundos mais rápidos que o composto atual.

- De qualquer forma pode-se esperar um domínio da Ferrari novamente, onde Felipe Massa (vencedor no ano passado e que luta para se recuperar no campeonato) e Kimi Raikkonen (que abandonou a última edição da prova espanhola) brigarão entre si pela vitória. Nos pits, é claro.

E mais...

- Rubens Barrichello chega na Espanha à marca de 256 Gp´s na categoria e se iguala ao italiano Ricardo Patrese como piloto que mais disputou provas na Fórmula-1;

- Sem ter um carro à altura, ele diz que vive tecnicamente seu melhor momento na carreira e que poderia vencer corridas hoje caso ainda guiasse para a Ferrari;

- Fernando Alonso falou sobre Barrichello e disse que as primeiras lembranças que tem da Fórmula-1 são de Rubens guiando o carro branco da Stewart. Ele aproveita para reclamar de pessoas que só lembram da ajuda do brasileiro à Michael Schumacher e diz que o que ele guarda na memória com grande carinho são as vitórias dele. Os dois são amigos de poker;

- Aliás, como se comportará o piloto da casa na pista que tçao bem conhece sem um carro à altura de seu talento? E a fanática torcida espanhola, o que sentirá?

- Lewis Hamilton por sinal já tratou de se esquivar dos fanáticos de plantão dizendo em outras palavras que praticamente já esqueceu os insultos racistas que sofreu na pré-temporada também em Barcelona;

- Amanhã acontecem os primeiros treinos livres.

2 comentários:

Ron Groo disse...

Aposto numa recuperação da McLaren, sério...
E viram como o Alonso anda sorridente ultimamente, mesmo com as pessimas colocações nos gps?

Loucos por F-1 disse...

Nem mesmo em tempos de Ferrari nunca vi Barrichello tão motivado como agora.
Só existe um motiva pra que a corrida se torne emocionante...a chuva...hehe

Abraços!!!

Leandro Montianele