4/08/2008

Bahrein: Notas do Mundo Veloz

Quando tudo se passa normalmente é natural que o vencedor leve a maior nota...


- Felipe Massa sai na frente no "Ranking Blog" da temporada 2008 com a melhor nota dada pelo Mundo Veloz. Por seu desempenho desde a sexta feira Felipe só não levou um 10 por não ter largado na pole position e pela pouca diferença para seu companheiro de equipe. Mas é a recuperação do brasileiro na temporada também aqui.

- Na ponta de baixo situação complicada para Sebastian Vettel que mais uma vez praticamente não participou da prova e para Lewis Hamilton, que com o carro que tem poderia ter feito algo mehor. David Coulthard também foi penalizado pelo acidente com Button, o segundo dele na temporada.

PILOTOS

Massa: Perdeu a pole no sábado para um inspirado e leve Kubica. Na prova ganhou a posição na largada e manteve distância segura para Raikkonen enquanto mesclava velocidade e prudência. Pela primeira vez ganhou uma corrida sem largar da pole position. Nota: 9

Raikkonen: Discreto no sábado, Kimi foi combativo nas primeiras voltas da prova passando Kubica e Kovalainen e não dando descanso à Massa um momento sequer. A diferença entre eles nunca chegou à casa dos 10 segundos. Nota: 8,5

Kubica: Mesmo com o tanque vazio não podemos esquecer o brilho da pole position que ele conquistou no sábado, a primeira de sua carreira e também da equipe. Na corrida teve problemas nas primeiras voltas e perdeu posição para Raikkonen depois de perder a liderança na largada por deixar o carro patinar de leve. Esteve perto de Kimi também no final. Nota: 7,5

Heidfeld: Pela segunda vez seguida fez a melhor volta da prova. Largou apenas na 6ª posição mas recuperou terreno na corrida chegando à frente das duas McLarens. Ficou atrás de Kubica no entanto. Nota: 7

Kovalainen: Largando em 5º ele subiu para 3º na primeira volta mas acabou perdendo posições para Raikkonen e e Heidfeld. Depois disso, afirmou não ter tido carro para se recuperar. Nota: 4

Trulli: Mais uma vez levou o carro à Superpole e com isso vem se tornando o melhor piloto fora de Ferrari, McLaren e BMW. A 6ª colocação foi alcançada com um ritmo consistente. Nota: 7

Webber: Geralmente vai bem nos treinos e mal na corrida, mas dessa vez aconteceu o contrário. Largou em 11º e chegou em 7º conseguindo 2 pontos para si e para o time. Nota: 6,5

Rosberg: Largou em 8º e chegou na mesma posição. Foi discreto. E o carro já não responde tão bem. Nota: 5

Glock: Não foi tão bem no sábado desta vez, mas fez boa prova e chegou próximo aos pontos. Conseguiu boas posições nos trabalhos de box, fruto de um bom ritmo de prova. Nota: 6

Alonso: Anda despontado com o desempenho de seu carro e não consegue ser combativo. Chegou em 10º lugar sem nada poder fazer. Difícil acreditar que manterá o foco. Uma pena. Nota: 5

Barrichello: Lamentou não ter chegado à fase final do treino de classificação. Na corrida poderia ter ido melhor mas pressionou Alonso no final da prova e comemorou pedindo um carro mais competitivo. Nota: 5

Fisichella: Largou em 17º e chegou em 12º. Durante a prova segurou Rubens Barrichello muito bem até parar no pit. Nota: 4,5

Hamilton: Bateu na sexta feira destruindo seu carro mas conseguiu ficar em 3º no sábado. Na corrida ficou parado na largada caindo para 10º mas teve de trocar o bico de seu carro após acertar Fernando Alonso por trás. Com o decorrer da prova não conseguiu se recuperar. Nota: 1

Nakajima: Não foi o último colocado pela primeira vez na temporada, o que não quer dizer muita coisa. Mas no sábado também. Nota: 3

Bourdais: Discreto durante todo o final de semana largou e chegou em 15º mesmo com abandonos. Nota: 3

Davidson: Andou pela segunda vez à frente de seu companheiro de equipe. Tanto no sábado quanto no domingo. Nota: 3,5

Sato: Comemorou o fato de ter andado em 14º durante parte da prova. Com o carro que tem a alegria é justificável Nota: 3

Coulthard: No sábado foi apenas o 17º colocado. Na corrida fez uso de uma estranha manobra e tirou Button da prova. Assim como já havia feito com Massa na Austrália ele se esqueceu que seu carro tem dois espelhos retrovisores. Nota: 0,5

Sutil: É injustificável a diferença de rendimento entre ele e seu companheiro Giancarlo Fisichella. Chegou em último. Nota: 0,5

Piquet: Sofre com o mesmo problema de Alonso e não tem a mesma velocidade de seu companheiro de equipe. Rodou na 1ª volta e abandonou depois com problemas no câmbio após ter feito boa parte da prova sem a segunda marcha. Nota: 4

Button: Levou a Honda à Superpole conseguindo um belo resultado no sábado. Na corrida teve problemas na 1ª volta e após uma tentativa de ultrapassagem à David Coulthard foi tirado da prova. Nota: 5

Vettel: Muito lento no sábado, ficou apenas à frente de Sutil e das Super Aguri. Na corrida abandonou na primeira volta. Nota: 0

EQUIPES

Ferrari: Só não foi perfeita por não ter ficado com as duas posições na primeira fila do grid. Na corrida seus pilotos fizeram o que tiveram vontade. Nota: 9,5

BMW: jSaiu do Bahrein com a primeira pole position da história do time e com a liderança no mundial de construtores após ficar à frente dos dois carros da McLaren. Nota: 9

Renault: Não passou de um 10º lugar com Fernando Alonso e o câmbio deixou Nelsinho Piquet na mão. O carro é ruim e parece que não evolui. Nota: 2

Williams: O time não consegue manter o ritmo da primeira prova do ano, quando todos acreditavam que os bons momentos poderiam retornar ao time de Frank Williams e Patrick Head. Para piorar, parece que é time de um carro só. Nota: 4

Red Bull: Mais uma equipe de um carro só, ou melhor, de 1 piloto só. O carro suportou bem o ritmo de prova de Webber. Nota: 5

Toyota: É a quarta força do mundial até o momento, atrás apenas de Ferrari, BMW e McLaren. Figurinha carimbada nas Superpoles. Nota: 6,5

Toro Rosso: Quando os 2 pilotos reclamam do carro é sinal que tem algo errado. Más posições de largada e discrição na corrida deram o tom da equipe no Bahrein. Nota: 1

Honda: Voltou à Superpole com Button e possibilitou um bom ritmo de prova à Barrichello, que não passou Alonso por falta de velocidade em retas. Nota: 5

Super Aguri: Não ficaram com as últimas posições nem no grid e nem na corrida. O ritmo porém ainda é muito ruim. Nota: 3

Force India: Empacou na classificação e nenhum de seus carros passou do Q1. Na corrida Fisichella teve carro para andar entre os 12 e assim chegou. Nota: 3

McLaren: É desastroso para a equipe não conseguir acompanhar o ritmo da BMW. Isso significa que a Ferrari, grande objetivo, pode estar bem à frente. Nota: 4


5 comentários:

Loucos por F-1 disse...

Felipe Massa andou bem durante todo o final de semana. Acho que ele merecia um 9,5...hehehe
O Coulthard fez uma corrida horrível, mereceu esse 0,5, quer dizer, acho que nem isso ele merecia.

Abração!

Leandro Montianele

Ron Groo disse...

As notas tão no blog meu camarada...desde ontem hehehe

Blog F1 Grand Prix disse...

Po Garcia, acho que você foi um pouco rigoroso com Kovalainen, Vettel, Hamilton e companhia hehehe...

Mas entendo todas as suas explicações. Só pediria uma mudança mesmo na nota do Fisichella, que fez uma corridaço com a Force India. Até na frente do Hamilton ele chegou!

Quem diria que o Sutil estaria levando essa lavada do Fisico, hein?

Grande abraço!

Gustavo Coelho

Anônimo disse...

Garcia, pode usar essas suas notas para o Ranking F1 Brasil? É apenas entre os moderadores da F1 Brasil, não sei se você está sabendo.

Abraço.
Vinicius Zapico

Garcia disse...

Leandro: Foi pelo grau de dificuldade, risos...

Groo: Valeu meu camaradinha!!!

Gustavo: Sei lá... não sei pq mas não me impressionei tanto com a corrida do Fisichella... embora ele tenha méritos de saber defender uma posição muito bem!!!

Vinicius: Fique a vontade cara, use mesmo!!!

Valeu à todos pelos comments!!!