4/02/2009

Hamilton: O caçado?

Me diga, em um ano Lewis Hamilton sofreu 6 punições por manobras realizadas... você acha justo?

Malásia 2008: Hamilton, bem como seu companheiro Heikki Kovalainen, perdem cinco posições no grid de largada por obstruirem o caminho de outros pilotos durante o treino de classificação. Opinião Mundo Veloz: Injusta;

Canadá 2008: Após acertar Kimi Raikkonen por trás na saída do pit stop (com farol vermelho, o que impediria que ambos deixassem o box), ele mais uma vez perdeu 10 posições no grid de largada. Dessa vez, a punição ficou para a corrida seguinte, o Grande Prêmio da França. Opinião Mundo Veloz: Justa;

França 2008: Após largar no fundo do grid devido à perda de posições pelo incidente no Canadá, Hamilton ultrapassou o alemão Sebastian Vettel cortando uma chicane logo nas primeiras voltas da prova e não devolveu posição. Resultado: Um Drive Trough e algumas posições perdidas. Opinião Mundo Veloz: Justa;

Bélgica 2008: Mais uma vez ele ultrapassou um adversário, Kimi Raikkonen, cortando uma chicane na chuvosa prova em Spa. Em uma das mais contestadas decisões dos últimos anos, ele devolveu a posição mas por ter feito isso já preparando o bota para recuperá-la ele perdeu 25 segundos em seu tempo total de prova. Sua vitória foi pro espaço e o brasileiro Felipe Massa herdou o trunfo do inglês. Opinião Mundo Veloz: Justa;

Japão 2008: Após uma largada conturbada, Hamilton foi acusado de ter "espalhado" o carro contra seus adversários, sendo que alguns foram obrigados a contornar a primeira curva por fora da pista. Na volta seguinte foi abalroado por Felipe Massa e caiu para a última posição. Como o brasileiro foi punido, Hamilton também o foi, talvez para dar mais equilíbrio ao campeonato que se encaminhava pro final. Opinião Mundo Veloz: Injusta;

Austrália 2009: Hamilton ultrapassou Jarno Trulli sob bandeira amarela quando o italiano saiu da pista. Sua equipe mandou o inglês devolver a posição e ele o fez. Porém, Trulli foi punido com a perda de 25 segundo em seu tempo total de prova por ter feito isso também em bandeira amarela. A McLaren comunicou Hamilton mas não a direção de prova. Hamilton não fez nada demais, apenas devolveu a posição, mas foi punido por ter, segundo os comissários, tentado enganar a direção de prova. Seu resultado, quarto lugar, foi anulado. Opinião Mundo Veloz: Injusta;

- E você? O que tem a dizer sobre as punições recebidas por Hamilton no último ano?

4 comentários:

NENO (Victor Berto) disse...

Em relação à punição do GP da Austrália 2009, eu entendo que a punição veio apenas por conta da falsa declaração que ele deu aos comissários no domingo, dizendo que não tinha dado a posição deliberadamente, que o Trulli havia forçado para ultrapassá-lo, depois a verdade veio à tona.
Não houvesse isto, ele teria ficado em quarto e o Trulli voltaria ao terceiro posto.

Lucas disse...

Perfeito.

Só discordo de Japão/2008. Tanto LW quanto o Massa foram bem 'sacanas'. Para mim, justíssimas.

Abraço,

TRON disse...

Concordo totalmente com as punições...
Hamilton exagera em um momento que a F1 é "fairplay"... Atualmente não se aceita um "valetudo"...
Hamilton e a McLaren abusam...

Grünwald disse...

Concordo com você em praticamente todas. Mas digo três coisas.

Primeiro, que não tem santo na F1.

Segundo, que Hamilton é o retrato de um menino que cresceu vendo o alemão ganhar tudo desse jeito.

Terceiro, que carro de F1 não tem farol. Que história é essa de farol no Canadá?