6/05/2008

Salve Max, Max salvo?

Teria sido a vitória na votação em assembléia geral da FIA a salvação de Max Mosley?


- É... aconteceu o que o mundo do automobilismo na queria e talvez até não esperasse. Max Mosley está salvo. Na última terça feira ele recebeu dos clubes associados à FIA uma moção de confiança para a continuidade de seu trabalho à frente da entidade. Na assembléia geral da entidade foram 101 votos à favor e 53 contra, sem contar abstenções e inválidos – que somam 11. Quase o dobro dos votos válidos, o que a frieza dos números interpretaria como uma demonstração de força apresentada pelo dirigente envolvido em escândalo sexual com temática nazista.

- Mas o que explica essa votação se nos últimos dias todos levantaram a voz contra Max Mosley? A lista vai de Bernie Ecclestone, passando por dirigentes de varias equipes – há até uma inédita união entre McLaren Mercedes e BMW e chega aos pilotos como Niki Lauda, Rubens Barrichello e Emerson Fittipaldi, que na minha frente, quando perguntado sobre o assunto, disse “lamentável”.

- A resposta para isso talvez esteja na vergonha que muitos votantes espalhados pelo mundo passariam caso levantassem a voz para apoiar a permanência de Max Mosley à frente da Federação Internacional de Automobilismo. É muito comum, como foi dito à época, que as pessoas tenham os mais exóticos fetiches, sejam eles ofensivos ou não à quaisquer etnias, classes sociais e o que for. Mas é muito complicado assumir que coisas como essas sejam normais.

- O mais fácil o se fazer nesse momento é mesmo entrar calado no recinto, aproveitar que a votação é secreta e sair de forma ainda mais discreta e aproveitar para fazer umas compras, afinal, a votação ocorreu em Paris.

- A verdade é que é bom Max não abusar da sorte pois personagens influentes como Luca di Montezemolo – presidente da Ferrari – já aproveitou para demonstrar sua reprovação à absolvição e, como ele, muitos outros ainda o farão. É bom ressaltar que continuo sendo contra o Impeachment, mas não contra a renúncia.

Foto: Reuters

3 comentários:

Ron Groo disse...

Ficou e ficou forte!
Aguenta agora quem queria a cabeça do veinho da fuzarca!

Loucos por F-1 disse...

O Mosley tem que tomar vergonha na cara e renunciar mesmo.

Abraços!

Leandro Montianele

Blog F1 Grand Prix disse...

Eu pessoalmente não gosto muito do Max, mas penso que a permanência dele é boa para a Fórmula 1. A categoria poderia passar por um momento muito turbulento se ele deixasse a presidência da FIA...

Grande abraço!

Gustavo Coelho